Viaduto de acesso Esplanada tem nova preferencial

O viaduto da BR-101 no acesso ao Balnerio Esplanada sofreu alterao em uma de suas preferenciais. Agora quem vem do Balnerio com destino a Morro da Fumaa e passa por baixo do viaduto no precisa mais parar, como anteriormente.
O pedido da mudana foi feito pelo vereador de Morro da Fumaa, Jos Carlos Bortolin, o Calita (PMDB) junto ao DNIT de Tubaro e busca amenizar as filas principalmente na alta temporada. Percebamos que um dos motivos da formao do congestionamento era porque os motoristas que vinham do balnerio precisavam esperar a passagem daqueles que trafegavam pela marginal no sentido norte sul, explicou.
Calita lembrou que a mudana ir beneficiar veranistas de toda a regio. Assim como a maioria dos fumacenses, muitas pessoas de Urussanga, Cocal do Sul, entre outros municpios tambm frequentam o balnerio, ressaltou.

Homem tenta matar o prprio irmo a machadadas

Na ltima quinta-feira, dia 22, um homem de iniciais A.B., de 59 anos tentou matar seu prprio irmo com machadadas. Conforme informaes da Polcia Militar (PM) de Urussanga, o fato aconteceu por volta das 13 horas e quando os policiais chegaram para atender a ocorrncia, o agressor j havia fugido.
O irmo, de iniciais N.D.B., de 46 anos, no sofreu leses e sua residncia ficou atingida pelas machadadas. Ainda segundo a PM, o agressor utiliza medicamentos.

Baffone

O desastre est perto
Nunca se falou tanto na falta de gua no pas como nos ltimos meses. Pauta impulsionada pela crise hdrica que acontece em So Paulo. A discusso entre os polticos tambm intensa. Contudo, o fato que no adianta discutir quando o problema j se instalou… preciso agir. E no somente quando a gua bate na bunda, porque neste caso no tem gua. Infelizmente, os nossos polticos deixaram a desejar. No firmaram a legalizao de obrigaes com punio populao e empresas que tambm nada contribuem para a preveno. O fato real afeta as milhares de famlias da metrpole e agora a economia. Empresas do ramo de bebidas, papel e celulose esto dando adeus a SP. Bom para os outros estados. Mas vale ressaltar que as cenas acompanhadas no estado vizinho no um pesadelo distante para ns. O cenrio cada vez mais pessimista. A mistura de falta de planejamento, administrao ruim, eventos climticos extremos e consumo excessivo ameaa o fornecimento de gua em cidades pelo Brasil todo, inclusive a nossa regio. O episdio ensina lies aos governos e exige respostas para perguntas que todo cidado deve fazer a si mesmo e aos polticos eleitos. E a, vamos acordar?

Falta pagamento
Quando eu digo que a situao do pas vai de mal a pior, reclamam por a… O fato que mdicos do Hospital de Urussanga esto sem receber o pagamento de janeiro por falta de repasse dos Governos Estadual e Federal. Inclusive tem cirurgia pelo SUS realizada no ms de julho de 2014 onde o dinheiro nem deu as caras. Duas equipes de trabalho esto sem receber. O atraso corresponde a R$ 120 mil para o pagamento desses profissinais. Na ltima semana, o Governo pagou apenas 70% de uma parcela, o que chega a ser irrisrio. O total de atrasos que os governos tem com o hospital NSC de mais de R$ 600 mil. Uma vergonha, um descaso, uma irresponsabilidade dessa putada que quer mamar as nossas custas. Para esses mdicos que seguem apreencivos em receber o que de direito deles, a previso do Governo de que haja a liberao nas prximas semanas, mas sem data definida.

Maternidade
Outra informao que dever estourar em breve a maternidade do hospital que por falta de recurso sinnimo de prejuzo total. Segundo o presidente do Hospital, Arnaldo Bez Batti a promessa de polticos foi unnime no ano passado, linda de se ver. Mas at agora nada, niente. Uma vergonha. Os detalhes desta situao, na prxima semana e com nmeros revoltantes.

Posse dos deputados
Os 40 deputados estaduais eleitos para a 18 legislatura do estado de Santa Catarina tomaro posse neste domingo, 1 de fevereiro, s 9 horas da manh. A solenidade acontecer no plenrio Deputado Osni Rgis, na Assembleia Legislativa, em Florianpolis. O Sul estar representado por Valmir Comin, Jos Nei Ascari, Jos Milton Sheffer, Ada De Lucca (que passar sua cadeira ao suplente Vampiro), Rodrigo Minotto, Claiton Salvaro, Ricardo Guidi e tambm Manoel Motta (suplente) que tambm dever assumir. A presidncia da Assembleia j est sacramentada por acordo da situao: ser o deputado do PSD, Gerson Mersio. De Urussanga, a presena do presidente do PMDB, Stevan Ascari, Totinho e Keki j esto garantidas, assim como de militantes de outros partidos da cidade. Desejo sucesso aos deputados do nosso Sul. E que tal fazer alguma coisa na prtica j, a comear pela sade?

Remember
J est na mo todos os detalhes para o 9 Remember Night. A melhor msica do passado, com uma mega produo, trar na primeira edio do ano: Zezito Seixas (cover perfeito de Raul Seixas) e Santolin (cover de Ney Mato Grosso, Tina Turner e Fred Mercury). O evento ser no dia 25 de abril. Segundo o organizador e comunicador, Bicudo de vila, os ingressos estaro mais acessveis este ano e a divulgao segue a todo vapor. A venda dos ingressos comeam em fevereiro. Informaes e reservas pelo telefone: 9982.2344. Garanta j mais uma noite de tirar o chapu!

Argentino
Da cidade de Rosrioespecial para a Vindima e para os braos de sua princesa, o jovem estudante de engenharia eletrnica, o argentino Ezequiel Grossi se encantou com a festa da colheita da uva. Ao lado da sua amada, a princesa da corte, Alice Miotello, ele participou e registrou todos os momentos.

Despedida
Infelizmente teremos que nos despedir do amigo e grande profissioanl de imprensa, Felipe Casagrande que recentemente esteve frente da assessoria de imprensa da Prefeitura de Urussanga. O pouco tempo foi o suficiente para deixar saudade de sua competncia, profissionalismo, parceria e simpatia. Ele ir assumir a assessoria do Deputado Vampiro na Assembleia e se despede com muito carinho de Urussanga. Felipe ser substituido pelo tambm competente jornalista, Renan Medeiros. Desejamos todo sucesso do mundo a voc Felipe e as boas vindas ao novo colega que vir com tudo para fazer um grande trabalho na Benedetta.

70 anos
O cumprimento especial da semana vai para a aniversariante da ltima sexta-feira, Iris Cancellier que em grande estilo comemorou os seus 70 anos rodeada por quase 300 amigos e familiares para celebrar a vida. O ponto mais interessante da festa foi o anncio do resultado de seus presentes, que recebeu em dinheiro. Dona Iris destinou todo montante para o Hospital Nossa Senhora da Conceio. O valor? R$ 6.206,00 entregues durante a festa ao Diretor Financeiro da Instituio, Agostinho Vendramini. Parabns pela iniciativa Dona Iris!
PDT
A festa da dona Iris tambm foi um grande momento para reunir as autoridades PDTistas e seus quase integrantes. Na foto abaixo, ex-veredor Dezan, Dona Iris, Deputado Rodrigo Minotto, Vereador Tita e Braz Cizenski em plena sintonia. Vale registrar ainda a presena do vice-prefeito de Urussanga, Luiz Henrique Martins que tambm participou das felicitaes.

Famlia investe em inovao e triplica cultivo de hortalias

Com o auxlio da Empresa de Pesquisa Agropecuria e Extenso (Epagri), os ltimos trs anos foram de mudanas e inovao no negcio da famlia Milak, de Urussanga, que cultiva hortalias. O trabalho realizado por quatro pessoas: Pedro Milak que faz a administrao do negcio, Angelina Dias, Ftima Milak e o seu esposo Marcelo Morona que distribuem as hortalias em mercados de toda regio. Nosso trabalho bem corrido, mas conseguimos dar conta de todo o processo e o melhor que trabalhamos em famlia, diz a proprietria Ftima Milak.
A empresa, Verduras Milak atua h 10 anos. Para agregar qualidade e valor ao produto, os agricultores investiram em uma nova estrutura que custou mais de R$ 56 mil, alm de R$ 22 mil na compra de estufas, R$ 40 mil na aquisio de um caminho e mais de R$ 80 mil em novas mquinas para a lavoura. O alto investimento proporcionou o aumento da produo, garantia de um produto de qualidade e o reconhecimento do mesmo. Para conquistar os grandes supermercados tambm investimos em embalagens personalizadas e com cdigo de rastreamento. Este cdigo pode ser lido por qualquer pessoa atravs do telefone celular e mostra a origem do produto, destaca Pedro.

Investimentos triplicam produo

Na propriedade, localizada no bairro So Pedro, a produo cultivada em quatro hectares. Nela, a famlia Milak produz quatro variedades de alface, alm de rcula, couve-flor, brcolis e temperos verdes (cebola e salsa). O fornecimento acontece para toda regio em supermercados, mercados, particulares e rede municipal escolar. Segundo Pedro, a produo triplicou depois dos investimentos.
No perodo de vero, a venda de alface a que mais tem sada. Em uma semana, a famlia chega a vender 1,7 mil ps de alface apenas ao Supermercado Angeloni, de Cricima. J em relao aos temperos verdes, cerca de 800 ps so colhidos por semana. Os morangos tambm so os mais comercializados. As mudas so trazidas da Argentina e a produo acontece de agosto a dezembro. S em 2014, vendemos quatro mil quilos de morango. Isto, graas a nossa modernizao e a maior facilidade de cultivar a fruta. Em nossa produo tambm usamos apenas o inseticida biolgico, o mesmo utilizado nos produtos orgnicos, ou seja, no utilizamos agrotxicos, afirma Ftima.

Incentivo

A Epagri de Urussanga atravs do engenheiro agronmo Fabiano Alberton auxilia desde 2012 a famlia Milak, incentivando-a na atuao do cultivo com qualidade e sem a utilizao de agrotxicos, alm do apoio no projeto de planta baixa para a construo do novo local que j foi executado. O projeto foi elaborado via o Programa de Fortalecimento da Agricultura Familiar com a utilizao do Juro Zero do Governo do Estado. Iremos sempre acompanhar o trabalho desta famlia para que cresam cada vez mais e sirvam de exemplo para outros agricultores, pontua Fabiano.

Filhos mostram interesse pelaagricultura

A filha de Ftima, Marcelle, 9 anos, bem como, a filha de Pedro, Jheniffer, 6 anos, aprendem desde cedo o trabalho e so incentivadas pelos pais a futuramente cuidarem do negcio da famlia. Marcelle j sonha em administrar a empresa para sua me e Jheniffer quer ajudar em todo o processo, ou seja, ser agricultora. Esperamos que nossas filhas um dia estejam a frente do negcio que est passando de gerao em gerao. Tudo comeou com a minha me, que aprendeu desde criana com seu pai a cultivar hortalias. Para mim ser um orgulho ver minha filha atuando conosco e dando valor agricultura, finaliza Ftima.

7 Vindima Goethe acolhe visitantes de diversos pases

A stima edio da Vindima Goethe, realizada na ltima semana, atraiu turistas e visitantes de diversos estados e outros pases, como Itlia, Alemanh, Portugal, Parab, Belm do Par, Mato Grosso, entre outros. A festa da colheita da uva vem ganhando destaque na mdia regional e aumentando suas propores a cada ano. Nesta semana, uma reunio com a participao de representantes da ProGoethe, Prefeitura e Epagri analisou a ltima edio do evento.
Segundo o presidente da Associao ProGoethe, Renato Damian, a stima edio do evento foi um sucesso. Avaliamos como uma das melhores edies. A chuva prejudicou um pouco, mas no geral o saldo foi positivo. Percebemos um aumento significativo de visitantes devido a divulgao e aos atrativos. Diversos fatores contriburam para o sucesso como a celebrao da missa, o esmagamento da uva com os ps, a decorao, participao de grupos da cidade como o coral Cantando Si Va, Amici Della Polenta e Orquestra Municipal porporcionando ao pblico ouvir belas canes e degustar a boa gastronomia. Ser necessrio desenvolver um trabalho na regio litoral sul catarinense com o intuito de trazer as pessoas das praias durante a semana para participarem do nosso evento. Vamos aprimorar alguns pontos como, por exemplo, implantar a venda de variedades de uva na praa, pois percebemos que as pessoas queriam consumir e comprar. Esta edio marcou e elevou ainda mais o nome da cidade e dos Vales da Uva Goethe, explica.
A famlia do mdico Joo Moreno Filho, de Curitiba, aproveitou o momento para conhecer mais uma festa da cidade. J viemos em alguns eventos culturais em Urussanga como a Festa do Vinho e o Ritorno Alle Origini, pois somos amigos da famlia Damian. Fomos avisados e convidados para a Vindima. Mais um evento que ficou dentro das nossas expectativas. Bela tradio aliada a uma uva muito saborosa, comentou.
Um grupo de italianos, que est a um ms em Cricima, tambm prestigiou o evento. Estamos visitando amigos na regio. J viemos a Urussanga em outras oportunidades. Aproveitamos o momento para acompanhar a festa. incrvel perceber ainda a preservao da tradio da regio do Veneto aqui e os costumes presentes na cidade, afirmou o italiano Oresto Cunhac, de Belluno.
O evento coincide com o perodo de frias de urussanguenses que atuam no exterior. Nesta poca amigos estrangeiros e proprietrios das sorveterias acompanham os brasileiros com o intuito de conhecer as paisagens e a cultura do pas. A urussanguense Chenia Cardoso Biz trabalha na Alemanha e trouxe duas amigas estrangeiras para participar da Vindima Goethe.
Estou de frias e minhas amigas alems quiseram vir novamente para Urussanga. Agora conseguimos acompanhar um evento cultural na cidade. Minhas amigas alems Lydia Eifert e Nadine Strner adoram a recepo na cidade e a festa as lembrou seu pas de origem devido a msica e comercializao de produtos tpicos e vinho, frisou.
O italiano Nicola DAniello, de Napoli, veio aproveitar suas frias no Brasil e conhecer a cidade natal de seus funcionrios Magda e Irle Candiotto. O visitante afirmou que o evento e os costumes da populao lembraram a Itlia. Nicola permaneceu durante oito dias na Pousada Dona Alice.

Consumo de oleaginosas previne o envelhecimento precoce

O tamanho engana aos olhos, mas castanhas, nozes e amndoas so grandes fontes de minerais, vitaminas, fibras e gorduras saudveis. De acordo com o Guia Alimentar para a Populao Brasileira elaborado pelo Ministrio da Sade, esses alimentos, tambm conhecidos como oleaginosas, so excelentes opes para refeies rpidas, pois no exigem nenhum preparo prvio. No entanto, a nutricionista Nathlia Canteiro alerta que as oleaginosas no devem ser consumidas em grande quantidade.
Essas gorduras so boas para o organismo e elas podem fazer parte da nossa alimentao. Elas so ricas em cidos graxos, que so principalmente mega 3, mega 6, que so essenciais para o nosso organismo, mas tambm no devem ser consumidas em grande quantidade. A castanha do Par ou do Brasil, exige um consumo de duas unidades ao dia, porque ela muito rica em selnio e com essas duas unidades a gente j consegue contemplar a recomendao diria. O que a gente no recomenda que se consuma mais do que um punhado delas por dia, porque elas no deixam de ser calricas. Elas so saudveis, mas tm muitas calorias, explica.
A servidora pblica Lcia Magalhes adotou as oleaginosas como opo de refeio prtica e saudvel.
Fui primeiro no endcrino e vi que estavam alterados alguns exames e o peso e fui recomendada a procurar uma nutricionista e ela me recomendou a dose diria dessas castanhas. Uso a castanha, as amndoas, pela facilidade e a qualidade delas. Tanto trago na bolsa, quanto deixo no trabalho, deixando de lado os biscoitos, e muito bom, comenta.
Segundo a nutricionista, as oleaginosas so timas opes para prevenir o envelhecimento precoce.
Como elas so ricas nesses cidos graxos, eles tm funes antioxidante no organismo. O que vai ajudar num melhor funcionamento na imunidade da pessoa e no combate aos radicais livres. Elas podem ser utilizadas tambm em preparaes, no s consumir como so, mas em algumas preparaes elas so bem vindas, frisa.

Evite a insolao durante as frias

Com o calor que est fazendo, at mesmo quem vai tomar um simples banho de piscina precisa se proteger dos raios do sol. Eles podem provocar insolao, que acontece quando a pessoa fica exposta a altas temperaturas. O organismo fica desidratado e a pessoa tem febre que pode passar dos 39 graus. A insolao tambm pode provocar nuseas, vmitos e at convulses. A filha de seis anos da empresria Anne Elise Oliveira passou muito mal com insolao depois de um dia de praia.
Estava um pouco quente, mas no estava aquele cu azul. Ento, eu achei que no iria queimar tanto. Passei o filtro solar nela, s que ela ficou muito na gua. Eu ainda reforcei o filtro, mas na gua o tempo inteiro. Quando chegou noite, ela estava muito vermelha, sentindo enjo, nsia de vmito e febre. A eu vi que era insolao. Foi um perigo eu achar que por estar meio nublado, um mormao, no iria ter algum problema. Mas, realmente, ela ficou passando muito mal. A pessoa sente calafrio, nsia de vmito e quente e a pele muito avermelhada, conta Anne.
A professora e dermatologista do Hospital Universitrio de Braslia, Izelda Maria Costa, explica de que forma possvel evitar a insolao.
O primeiro passo evitar a exposio prolongada ao sol. Ficar mais sombra. Se entrar na gua, que no tem como se proteger, ficar um tempo menor, no ficar mais do que meia hora exposto ao sol. Recomendo o uso de filtro solares, de chapus, de culos escuros com fator de proteo contra radiaes e ingesto de lquidos, pontua.
Para evitar insolao e queimaduras de sol, o filtro solar deve ter fator de proteo de no mnimo 30. Os problemas causados pela exposio prolongada ao sol dependem do tipo de pele. Pessoas mais claras devem ficar menos tempo no sol. O ideal procurar uma sombra quando sentir que a pele est ficando quente demais. Essas pessoas e tambm crianas e idosos devem ter cuidado redobrado. Para se recuperar de uma insolao, a pessoa precisa ficar em ambiente arejado, beber bastante lquido e colocar compressas de gua fria na pele para baixar a temperatura. Se a febre, as nuseas e os vmitos piorarem preciso procurar o posto de sade mais prximo.

Mdico de Urussanga realiza trabalho exemplar frente do SC Transplantes

Por trs de seu jaleco, o mdico intensivista e coordenador do SC Transplantes, Joel de Andrade, 49 anos, natural de Urussanga, guarda boas recordaes da infncia vivida prxima aos familiares. O cheiro de jabuticaba e dos pratos preparados pela av Magdalena Mazzuco De Csaro invadem suas lembranas. As principais recordaes so das noites de Natal na residncia da av. No quintal, as brincadeiras entre as crianas ocorriam prximas a uma grande jabuticabeira. O terreno terminava no Rio Urussanga e sempre que as guas subiam ficava uma areia de praia. O tanque de lavar roupa era grande e no vero virava a piscina da casa. Nas ruas ainda sem calamento, na frente da prefeitura e prximo a ponte, besouros pretos, as famosas carochas, que ficavam voando ou tentando entrar nas tocas eram capturados por ns e colocados em um balde. Havia um galinheiro de onde saiam os ovos das melhores gemadas da minha vida. Da cozinha, as maravilhas da nonna: polenta do tacho com costelinha de porco frita e os gros feijo vermelho cozidos e servidos com um pouco de acar, lembra.
Filho de Altamiro de Andrade, radiotelegrafista, e Marli de Csaro, dona de casa, Joel afirma que a educao sempre foi uma prioridade na famlia. Os patriarcas ressaltavam para as crianas que atravs da educao elas poderiam alcanar uma vida mais rica e confortvel. Meu tio Tadeu formou-se dentista na dcada de setenta. Tnhamos o exemplo. Para os meus pais sempre foi uma prioridade. A regra era ensino bsico em escola pblica, ensino mdio em colgios e curso superior em universidade pblica. Minha trajetria cumprida exatamente desta forma, conta.
Aos 12 anos, aps uma longa conversa com um amigo de seu tio, Joel decidiu a carreira profissional que gostaria de seguir. Ele era consultor da FAO em Braslia e passou uma tarde me explicando como funcionava a repblica e as relaes polticas e de poder. Contou-me sobre as possibilidades de mudana e os diferentes modelos de sociedade que existiam nos distintos continentes. Acabada a conversa decidi: vou ser mdico e atravs do exerccio da profisso buscarei ajudar na construo de um mundo melhor. Uma arrancada muito ingnua e idealista que acabou por traar um perfil, frisa.
O urussanguense Joel de Andrade possui um extenso currculo. Formado pela UFSC com residncia em medicina interna e medicina intensiva, Joel tambm concluiu mestrado em cincias mdicas, alm de ter sido chefe da UTI Hospital Universitrio da UFSC por seis anos e intensivista do Hospital Governador Celso Ramos por 10 anos. Atuou tambm como professor nos cursos de medicina, odontologia e farmcia da Unisul.
Desde 2005, Joel desempenha um papel importante no que se refere sade em Santa Catarina: ele coordenador do SC Transplantes. Havia na Secretaria de Estado da Sade uma insatisfao com os resultados na rea e o consenso de que era fundamental um mdico da rea de medicina intensiva. Um colega de faculdade me convidou para assumir. Aceitei reticente e 10 dias depois pude conhecer pessoalmente duas crianas transplantadas a partir de rgos doados na minha primeira doao como coordenador. O resultado disso que me apaixonei por este trabalho e daqui a 3 meses completo 10 anos a frente da SC Transplantes, salienta. H cinco anos Joel membro do Grupo de Assessoramento Estratgico do Sistema Nacional de Transplante do Ministrio da Sade e membro da Cmara Tcnica de Doao de rgos da mesma instituio. Em 2008 concluiu um master em gesto de transplantes de rgos, tecidos e clulas na Organizao Nacional de Transplantes na Espanha. Ele tambm j foi diretor da Associao Brasileira de Transplantes de rgos e atualmente diretor da Sociedade Latino Americana de Coordenao de Transplantes (Grupo Punta Cana).

A COBERTURA DO SOLO MUITO IMPORTANTE PARA AS PLANTAS CULTIVADAS, ESPECIALMENTE NO VERO (Parte I)

A perda de solo (eroso), que no Brasil alcana pelo menos 500 milhes de toneladas por ano, pode causar grandes prejuzos aos agricultores, que perdem rapidamente a capacidade produtiva e, o que pior, vo parar nos rios, crregos e lagos, provocando cada vez mais enchentes e destruio, alm de poluir as guas, causando a morte de peixes e outros animais. Boa parte dessa eroso poderia ser evitada pelo manejo adequado dos solos, atravs de inmeras prticas de conservao, especialmente a cobertura permanente do solo. O que o solo, como formado e composio?O solo (terra) a camada mais superficial da crosta terrestre, onde se desenvolvem muitas plantas e vive uma grande variedade de animais; dele que retiramos parte dos nossos alimentos, alm de servir como suporte gua, ao ar e nas construes das nossas moradias. Essa camada vem se formando h milhes de anos, com o acmulo de pequenas partculas, formadas pelo desgaste das rochas, que foram se misturando com os restos de animais e plantas. Aes dos ventos, chuvas e organismos vivos so os responsveis por este lento processo; calcula-se que cada centmetro do solo se forma em intervalo de tempo de 100 a 400 anos. O solo uma mistura de ar, gua, matria orgnica e parte mineral. Dentro do solo existem pequenos furos (poros), onde ficam guardados a gua e o ar que as razes das plantas e os outros organismos necessitam para beber e respirar. A parte mineral do solo se divide, de acordo com o seu tamanho, em: areia (a parte mais grossa); silte (uma parte um pouco mais fina, ou seja o limo que faz escorregar) e argila (uma parte muito pequena ou seja, a mesma que gruda no sapato). Degradao e prticas de conservao do solo:A devastao das florestas, o preparo inadequado do solo, o trfego de mquinas, a eroso, a falta de cobertura e a compactao, so os fatores que mais degradam o solo, reduzindo sua vida e aumentando os distrbios nutricionais e doenas e pragas que atacam os cultivos. mais econmico manter do que recuperar recursos naturais. A vida do solo depende da matria orgnicaque, por sua vez, influencia nos aspectos qumicos, fsicos e biolgicos do solo e, ainda aumenta a resistncia dos cultivos s pragas e doenas. As principais prticas para regenerar o solo degradado so: Cobertura permanente do solo,adubao orgnica,mecanizao cautelosa e com equipamentos adequados,manejo de restos de culturas,cobertura morta,manejo das plantas espontneas, rotao e consorciao de culturas,uso de quebra-ventos e desistemas de produo integradoscom rvorese comproduo animal. Para mais informaes acessar o blog: www.cultivehortaorganica.blogspot.com

OAB Cricima leva pleitos regionais ao vice-governador do Estado

O vice-governador do Estado, Eduardo Pinho Moreira, recebeu, na tarde de segunda-feira, dia 26, representantes da subseo criciumense e da seccional catarinense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Caixa de Assistncia aos Advogados de Santa Catarina (Caasc) e da Executiva municipal de Iara para discutir algumas necessidades da regio. Na oportunidade, o presidente da subseo, Luiz Fernando Michalak, pleiteou importantes obras e resolues para dar segmento s atividades jurdicas no Sul. A instalao da Terceira Vara de Iara e o Frum de Urussanga, por exemplo, foram algumas das prioridades citadas.
Michalak destacou a importncia da subseo perante o Estado, tendo em vista que ela compreende 10 municpios e aproximadamente 1,6 mil advogados credenciados. Viemos expor algumas das nossas principais necessidades. Uma delas est no municpio de Iara. L temos duas Varas, sendo que uma conta com o acumulado de 7 mil processos e cinco funcionrios, e a outra tem mais de 12 mil processos, com apenas quatro funcionrios, evidenciou o presidente.
Outra questo que mereceu destaque foi a construo do novo Frum de Urussanga e a segurana pblica nos municpios da Regio Carbonfera. Michalak lembrou que todos os ns que envolviam a edificao do prdio urussanguense j foram desatados. Schaefer prometeu que reuniria esforos para iniciar a obra ainda neste ano. Vamos aguardar e ver se possvel, enfatizou o presidente da subseo. A segurana pblica entrou em pauta, principalmente no que diz respeito aos municpios de Cricima, Balnerio Rinco e adjacncias. O delegado da Caasc de Cricima, Rafael Burigo Serafim, representando o presidente da Caixa estadual, Paulo Brincas, ressaltou a necessidade de novos profissionais. O pouco efetivo policial motivo de preocupao. Viemos externar os sentimentos da nossa comunidade, no intuito de, quem sabe, encontrar alguma soluo para os problemas, explana.

Rio Deserto recebe prmio por destaque ambiental

As empresas Rio Deserto receberam o Certificado de Destaque Ambiental Selo Verde conferido pelo Jornal do Meio Ambiente do Estado de So Paulo. A certificao tem como objetivo incentivar e reconhecer empresas do pas que cumprem as normas e leis ambientais vigentes e que possuam projetos ambientais que melhorem a qualidade de vida da comunidade.
Segundo o diretor de marketing do Jornal do Meio Ambiente do Estado de So Paulo, Fabiano Mariano Dias, o prmio resultado da parceria do jornal com o IBAMA, CONAMA, MMA e Secretarias Estaduais do Meio Ambiente; em funo disso, as avaliaes seguem critrios rigorosos, sendo concedida a um seleto grupo de empresas em todo o pas. Foram 1000 empresas premiadas em todo o Brasil e 97 no estado de Santa Catarina, explica Fabiano.
Conforme Fabiano, os critrios de avaliao foram: gua e efluentes, energia, matria- prima e resduos, emisses atmosfricas e educao ambiental. O prmio concedido a um seleto grupo de empresas que possuem licenas ambientais, que respeitam a legislao e no tenham nenhuma irregularidade junto a rgos ambientais e que adotem iniciativas prprias, estimulando a preservao do meio ambiente, completa Fabiano.
Para a superintendente de meio ambiente das Empresas Rio Deserto, Rosimeri Venncio Redivo, o prmio representa a consolidao de um trabalho realizado h anos. Entendo que esse prmio consolida todas as prticas que a empresa adota, bem como reconhece a prioridade, seriedade e transparncia com que tratamos as questes ambientais e o cumprimento da legislao que envolve essa questo. Ser referncia nesse quesito muito gratificante, pontua Rosimeri.
A empresa conta com seis programas voltados comunidade e colaboradores. Entre eles se destacam Os Felinos do Agua, programa ambiental dedicado conservao dos felinos silvestres e seus ecossistemas e, tambm, o Iara Mais Doce, que incentiva a produo de mel com o plantio de eucaliptos melferos, fortalecendo a economia atravs da comercializao e divulgao do produto.

Avenida Marcos Costa recebe revitalizao em Urussanga

Os motoristas que trafegam pela Avenida Marcos Costa, em Urussanga, precisam de ateno redobrada para as obras na pista. Uma equipe contratada pela Prefeitura est no local para realizar a revitalizao completa em aproximadamente um quilmetro da via que faz o acesso das comunidades Rio Amrica, Rio Salto e Belvedere.
Esta uma obra transformadora para a cidade, que vai gerar conforto e segurana para quem passa por aqui, disse o prefeito Johnny Felippe. Segundo o secretrio de Planejamento, Jorcio Zuchinalli, toda a camada velha de asfalto ser retirada para a colocao de uma nova, com tempo de vida til maior e calamento para os pedestres. Este trecho era perigoso, pois a vida til da pavimentao estava comprometida e os pedestres disputavam espao com os veculos. Com a revitalizao vai ficar mais seguro para toda a comunidade, comentou. Mais de 770 mil reais foram investidos em parceria com o Governo Federal.

Cipa do hospital toma posse

Os novos membros da Comisso Interna de Preveno de Acidentes (Cipa) do Hospital Nossa Senhora da Conceio de Urussanga tomaram posse para a gesto 2015 no dia 12 de janeiro com o intuito de atuar na preveno de acidentes e melhoria da qualidade de vida dos funcionrios da entidade. Por votao dos empregados foram escolhidos Maria Angela Baldin, Isabela Martins, Miquelangelo Baruc e Thiago Alves Lima. Pelo empregador foram eleitos Irm Olinda Antonio Costa, Janice Regina Civiero Nichele, Joel Nola e Valdete Perito Spillere. Thaise Cittadin Figueiredo foi indicada secretria.

Apae ganha novo carro para o transporte escolar

Neste ano, os 65 alunos atendidos pela Apae de Urussanga de forma integral e semi-integral iro para a Instituio de carro novo. O Governo do Municpio de Urussanga realizou a entrega do novo veculo de 16 lugares que ir auxiliar no transporte dos alunos de todo o municpio. Mais de 100 mil reais foram investidos nesta aquisio, numa parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado, via emenda do deputado estadual Dia Guglielmi. Para o presidente da Apae de Urussanga, Algemiro da Silva Damsio, este foi um grande presente oferecido aos alunos, que passam a ter mais conforto e segurana no transporte entre a Instituio e a casa. Este veculo vai substituir outro inferior e que j d sinais que est na hora de aposentar. Sem contar que, alm do conforto, ganhamos mais espao para transportar os alunos de forma eficaz e gil, disse. Em mdia, os veculos da Apae rodam 150 quilmetros na cidade.

Prefeitura inicia obras na Rodovia dos Mineiros

As obras de pavimentao para melhorar o acesso ao bairro Santana tiveram incio em Urussanga, com equipes de trabalho preparando o ambiente para receber a drenagem, o passeio pblico e a sinalizao. Na primeira etapa, aproximadamente 200 metros da Rodovia dos Mineiros vo receber a camada asfltica. Como esta rodovia extensa, ser preciso muito tempo e recursos para paviment-la por completo. Por isso vamos comear do jeito que for possvel, pois quem no d o primeiro passo nunca chega ao final, disse o prefeito Johnny Felippe. Segundo o secretrio de Planejamento, Jorcio Zuchinalli, inmeros pedidos de pavimentao chegam diariamente na Prefeitura. O nosso desejo de atender a todos, mas s conseguimos fazer quando h disponibilidade de parcerias e recursos, comentou. Mais de 250 mil reais foram investidos neste primeiro trecho, numa parceria entre a Prefeitura de Urussanga e o Governo Federal. A previso para concluso dos trabalhos de 120 dias.

Melhoria das estradas vicinais ser prioridade em 2015

A melhoria das estradas vicinais de Urussanga h anos a principal reivindicao dos agricultores do municpio e um dos desafios do Governo Municipal. Mais de 600 quilmetros de estradas so o problema constante com a falta de um projeto que atenda de fato a demanda. Este ano, a Prefeitura Municipal por meio da Secretaria de Obras espera dar prioridade ao problema que no nada fcil, pois alvo constante da atuao climtica.
Segundo o secretrio de obras, Jucemar Sangaletti, boa parte dos recursos do Governo do municpio, iro para este setor em 2015. O ano de 2014 foi atpico para secretaria de obras, pois tivemos que trabalhar em prol de algumas empresas, caso contrrio, iramos perder a oportunidades de gerar mais economia para o municpio, explica.
Somente na empresa Plaszom foram 60 dias de obras com a utilizao de trs caminhes, uma motoniveladora, uma carregadeira e uma escavadeira hidrulica.
Foi 1,2 hectare de terraplenagem somente nesta empresa. Tivemos que realizar esta parceria para que o empreendimento fosse instalado aqui. Por isto no conseguimos dar ateno devida as estradas, o que ser diferente neste prximo semestre, afirma o Secretrio.
As roadas j comearam a ser feitas e a previso para serem concludas at o ms de maro.
Queremos recuperar o tempo perdido. Vamos realizar diversos melhoramentos em algumas estradas e alargamentos, para facilitar o acesso, principalmente no interior, diz Sangaletti.
Investimentos
Uma das necessidades mais urgentes no setor a aquisio de uma motoniveladora que custar em torno de 550 mil reais. Atravs de contato com os deputados sero buscados recursos para a compra de uma escavadeira hidrulica que custa em mdia 650 mil reais, alm de um rolo compactador, de 280 mil e uma retro escavadeira que custa mais de 230 mil reais, garante o secretrio.
Sangaletti tambm ressalta que as pavimentaes realizadas tambm contriburam para a reduo do servio de manuteno na cidade. Com o asfalto na comunidade de Rio Amrica, alguns trechos do Centro de Urussanga e a colocao de lajotas em outros pontos fizeram com que melhorias em outras vias fossem mantidas pela secretaria de obras, beneficiando centenas de famlias. Queremos sempre proporcionar o melhor para a populao, mas sabemos que nem sempre vamos conseguir agradar a todos, porm estamos disposio da comunidade e as pessoas tm direito de reclamar e reivindicar, finaliza o Secretrio.

Escolas se preparam para receberem alunos

Limpeza, organizao e reformas esto sendo realizadas para receberem aproximadamente quatro mil alunos da rede Municipal e Estadual de Educao do municpio de Urussanga que retornam no dia 09 de fevereiro. O calendrio escolar de todas as escolas da cidade foi unificado para uma melhor organizao.
Um evento ser realizado no dia 05 de fevereiro para abertura do ano letivo para todos os professores e profissionais que fazem parte da rede de ensino do municpio. O encontro acontecer no Centro Comunitrio da Igreja Matriz de Urussanga, s 20 horas.
No dia 06, os professores devem realizar a organizao nas salas de aulas e reviso dos trabalhos didticos e pedaggicos para deixar tudo pronto para receberem os estudantes. Algumas reunies j esto acontecendo com diretores, professores, motoristas e os profissionais da Educao a fim de termos um planejamento e organizao para este ano letivo, afirma Secretria da Educao, Brgida Mariot. Os pais que ainda desejam realizar matrculas para seus filhos pela rede Municipal ou Estadual devem comparecer em uma das 21 instituies de Urussanga entre os dias 02 e 06 de fevereiro.

Reformas e melhorias

Algumas escolas da rede municipal aguardam para serem reformadas neste ano, mas conforme informao da Secretria da Educao necessrio realizar projetos arquitetnicos para restaurao de qualquer estrutura. As escolas que precisam de melhorias so a Ernesto Csar Mariot, Centro de Educao Infantil do Rio Maior, Escola Rosalino Damiani, Lydio De Brida, Srgio Teixeira, Escola Rio Caet e o prdio da Casa da Cidadania onde est o ncleo da Educao. Alm disto, temos outros projetos de melhorias, atravs do Governo Federal, explica. Tambm esto sendo adquiridos pela Secretaria de Educao novos bebedouros, ventiladores, aparelhos de ar-condicionado, geladeiras e entre outros, e a realizao de servios hidrulicos e eltricos. A frota escolar do municpio tambm j foi encaminhada para manuteno.
Na escola estadual Caetano Bez Batti, por exemplo, aguarda uma resposta do Ministrio Pblico para realizar uma reforma geral na instituio. Estamos em plena condio para recebermos os alunos, inclusive, temos em quase todas as salas de aula ar-condicionado, faltando somente quatro delas para todas as salas estarem climatizadas, observa a Diretora Geral, Andreza C. Bonetti.

Novidades

Na rede municipal agora ser implantado aulas de msicas e italiano na grade curricular do 1 ao 5 ano do ensino fundamental. A frota escolar tambm recebeu seis novos veculos. Visando melhorar a educao, estas novidades iro proporcionar aulas diferenciadas as crianas, diz a Secretria.

Nova presidente da Cmara promete agir com justia e responsabilidade

O primeiro mandato da vereadora Daniela Piacentini Visintim (PMDB) j est sendo marcado por importantes conquistas. Aps ser eleita em 2012 com mais de 800 votos, a professora de histria, que atua a quase 20 anos nas redes municipal e estadual, uniu o seu conhecimento e o desejo de trabalhar pelo povo para legislar na implantao de projetos voltados ao meio social, educacional e cultural.
Nos ltimos anos, Daniela sugeriu projetos como a padronizao dos uniformes da rede municipal, instituiu a Semana do Combate e Preveno as Drogas, foi autora das indicaes para a realizao da entrega do diploma Mulher Cidad e para revitalizao do camarim do Parque Municipal que homenageou Aldo Baldin, incentivou projeto Urussanga Vira Criana, , entre outros. Procuro defender estas causas e acredito que a educao seja a via de transformao, salientou.
A atuao nesta linha resultou na escolha de seu nome para a presidncia da Cmara de Vereadores de Urussanga para o cumprimento do mandato durante este ano.
No quero fazer um discurso feminista, mas ainda hoje existe uma resistncia na participao da mulher na vida pblica e poltica. Isto resultado de uma construo histrica da sociedade machista. Porm, as mulheres vm se destacando nos setores. No Legislativo urussanguense houve um consenso para formar uma mesa diretora ecltica. Hoje duas vereadoras esto nesta formao. Agradecemos a confiana depositada. Sei da grande responsabilidade que ser assumir este cargo. Terei uma equipe de servidores competente e por isso me sinto segura. Quero que a legislatura tenha autonomia de forma que o nosso trabalho possa buscar o interesse coletivo, frisou.
Ao receber a reportagem do Jornal Vanguarda, Daniela ressaltou que ir presidir com justia e responsabilidade.
Assumir este cargo me deixa feliz, pois ser um novo aprendizado na escola da vida. Penso em presidir ouvindo a mesa diretora por meio de reunies para debater assuntos relevantes a sociedade, mas, acima de tudo, irei priorizar uma atuao que construa e edifique uma imagem de respeito e trabalho honesto da Cmara, bem como agir com justia e responsabilidade. Buscarei trabalhar com serenidade e seriedade para ser um elo dos vereadores e da bancada, para que desta forma possamos cada vez mais elevar o trabalho do Legislativo urussanguense, pontuou.
Segundo a presidente da Cmara de Vereadores de Urussanga, o papel do vereador de extrema importncia e de constante trabalho, pois constitui um elo entre a populao e os poderes Executivo e Legislativo.
Durante o seu mandato como presidente, Daniela pretende implantar projetos sociais e tambm atuar na modificao da estrutura fsica da Cmara. Uma das aes j iniciou com a discusso, nesta semana, da reviso da Lei Orgnica do municpio e do regimento interno da Cmara de Vereadores.
Existe diferena nas leis e nos artigos entre a lei orgnica e o regimento. Por isso necessrio uma reformulao e vamos trabalhar em cima disso, mas sabemos que os projetos precisam de estudos jurdicos, comentou.
Daniela Piacentini Visintim (PMDB) ir oficializar as primeiras aes como presidente conduzindo a sesso do Legislativo na prxima tera-feira, dia 3 de fevereiro. Fabio Jeremias continuar como assessor jurdico da Cmara de Vereadores e Wilson Adriani permanece como assessor de imprensa.

LUD ter quatro equipes na Copa Sul 2015

A Copa Sul dos Campees deste ano vai comear no dia 8 de maro. Das 16 equipes participantes, quatro vo representar a Liga Urussanguense de Desportos (LUD). Uma delas o Rui Barbosa, de Morro da Fumaa, que vai defender o ttulo conquistado em 2014. Os outros times so o Cocal do Sul (terceiro colocado vice-campeo do Intermunicipal de 2014), AMBRA/Turma do Grilo (terceiro colocado do Intermunicipal) e Universo, de Cocal do Sul (convidado).
A quarta vaga, de acordo com o presidente da LUD, Geraldo de Souza, se deu aps a desistncia de uma equipe de Imbituba. Recebemos a confirmao da desistncia de uma equipe de Imbituba, e por isso abriu mais uma vaga para a nossa Liga. Decidimos convidar o Universo. Ter quatro clubes na disputa importante e mostra a fora que temos no futebol amador. Quanto mais times participando, maior a chance de conquista, salienta ele.
Uma das vagas na Copa Sul seria do E.C Jaguaruna, atual campeo do Intermunicipal. Eles teriam o direito de disputar a Copa Sul por terem sido campees. Mas conversamos com a diretoria e eles no manifestaram interesse, explica Geraldo de Souza.
As outras equipes participantes da Copa Sul 2015 sero da Liga Atltica da Regio Mineira (LARM), com trs times; da Liga Verde Vale de Futebol (LVVF), da Liga Lagunense de Futebol (LLF)) e da Liga Imbitubense de Futebol (LIF), todas com duas equipes. A liga responsvel pela organizao a de Laguna.

Baffone

Abro a primeira coluna do ano, primeiramente para desejar a todos os leitores um ano abenoado, cheio de boas informaes e que a Presidente Dilma no atrapalhe o andamento dos nossos negcios e trabalhos. Infelizmente, coisas ruins que refletem diretamente em nossas vidas esto introduzindo o nosso ano que apenas esta comeando e negativamente. Peo para que as pessoas reflitam sobre tudo o que est acontecendo e no apenas deixem passar, como se fosse mais um fato, como se nada fosse nada. A nossa poltica, segurana e economia esto desgovernadas. E o que dizer da mais nova mudana no Imposto de Renda para alimentar os gastos suprfluos do governo? Suprfluos sim, porque se a presidenta estivesse pensando no Brasil j teria feito o chamado choque de gesto (leia-se, demitir os que mamam) para equilibrar as contas. Mas no, prefere tirar do bolso do brasileiro. As pessoas esto com medo de investir, medo de serem demitidas, medo de comprar. Sem contar nas que j foram despedidas. o reflexo de quem prometeu o que no pode cumprir. General Ernesto Geisel, ao final da Ditadura, j dizia que chegar um tempo que o povo sentir saudades do Regime Militar. Se no chegou, esse tempo deve estar prximo.

Vindima
Mais um ano de Vindima se finda positivamente. O evento que aconteceu nos ltimos trs dias na cidade, uma tradio no municpio, marcou mais um momento de valorizao a nossa tradio. A festa est crescendo e muito. Ela foi prestigiado por italianos de Longarone e Zoppe di Cadore, Alemes, portugueses, visitantes da regio e at de Belm do Par. Esse ano, a decorao tambm chamou a ateno, situou e despertou interesse naquelas pessoas desligadas na histria e eventos na cidade. Parabns aos organizadores, ProGoethe, Prefeitura Municipal e, principalmente, aos produtores pela boa safra da uva Goethe que s vem para enriquecer ainda mais a qualidade do nosso vinho Goethe. Quem foi na Vindima, mais precisamente na colheita da uva, tambm pode conferir de perto as emoes. Teve at gente que escorregou na casca da uva Goethe e marcou a 7 edio da Vindima.

Observao
A nica observao que fao em relao Vindima esse ano que as vezes se vende nos meios de comunicao mais do que a cidade est oferecendo. Valeria aqui uma preparao, reunio com os empresrios, comrcio, principalmente da gastronomia, para prepar melhor, sem que ningum fosse pego de surpresa e que todos pudessem atender o fluxo de turistas com sucesso. A maioria no tinha produtos feitos com a uva goethe para comercializar por falta de comunicao e o turista sentiu isso.

Tiroteio
Incomodado como o barulho durante a virada na esplanada, um cidado resolveu fazer justia com as prprias mos. Irritado, resolveu atirar para cima para chamar a ateno dos barulhentos e stop neles. Resultado: a casa foi cercada pelos policiais, mas nada aconteceu. A polcia no conseguiu prender o elemento de famlia tradicional, pois no poderia invadir a casa do cidado por no possuir a ordem de priso.

Para se revoltar
Voc sabia que o pequeno grupo das 85 pessoas mais ricas do mundo concentra a mesma riqueza que os 3,5 bilhes mais pobre do planeta, revelou nesta segunda-feira uma pesquisa da organizao Oxfam International. O estudo foi divulgado s vsperas do Frum Econmico Mundial e tem como objetivo estimular o debate sobre a desigualdade social no encontro, que ocorre a partir de quarta-feira em Davos, na Sua. Isso no pode acontecer. De acordo com o relatrio, o grupo de super-ricos acumula fortuna de US$ 1,7 trilho. A entidade afirma ainda que 1% da populao mundial detm quase metade da riqueza mundial: US$ 110 trilhes.

Volta
Estar voltando para a Cmara de Vereadores para ocupar a cadeira da vereadora, Vani o vereador Nariz. O vereador Tita tambm no dever blefar ao ir para o PDT. Para no perder a sua cadeira para o partido, ele dever enrolar mais uma pouco at o partido pedir o seu suposto afastamento ou ento, o PMDB ter que permitir a sua permanncia no PDT j que o partido faz parte da mesma coligao.

RECLAMAO
Morador do bairro Bela Vista, mais precisamente da rua Jos David Mendes est revoltado com a situao da via. Segundo o morador, o estado catico, existe muita pedra na rua em funo da chuva. Para poder subir, as pessoas deixam o carro e seguem a p. J quem mora no local precisa ir pela rua de trs. Os moradores pedem pela manuteno da via e pela promessa de pavimentao.

Internacional
Quem comea a brilhar e agora em nvel internacional o reprter Fernando Machado que est em Nova Iorque como correspondente do SBT. Fernando da nossa terrinha e sempre atuou na rea de comunicao, passando inclusive pala rdio Marconi. Surpreso com a oportunidade, o reconhecimento nada mais do que o resultado do seu trabalho. Sempre procuro criar coisas novas e fazer diferente. Esse s mais um passo de uma caminhada longa que me levar aonde realmente eu pretendo chegar em minha carreira profissional em Nova Iorque pelo SBT, disse. Fernando trabalha na realizao de matrias especiais com o intuito de mostrar o seu trabalho e ser de fato efetivado como correspondente do SBT. A equipe do Vanguarda e este colunista s tem a desejar muito sucesso e que seus objetivos sejam alcanados o quanto antes. Daqui vai a nossa admirao pelo empenho e reconhecimento profissional. Vai firme garoto!

Traio
Comeamos o ano j, com alguns registros de traies na terrinha. Disse a tarloga em sua previso para 2015 que a coisa iria ferver, com mais cuidado claro, e de fato est. Os relacionamentos extraconjugais esto ocorrendo at entre pessoas que entoam as vozes mais belas da cidade. Cuidado gente. Famlia ainda tudo e no vale a pena troc-la por um simples prazer!

Novo escritrio
Cumprimentos aos irmos Alexandre, Camila e Vanessa Felippe, filhos do prefeito de Pedras Grandes, Antonio Felippe Sobrinho que abriram em Urussanga, o seu novo escritrio: Trezarte – Arquitetura, Engenharia e Meio Ambiente. A inovao fica por conta do ambiente inaugurado nesta segunda-feira, 19. Um continer instalado na rua Zeferino Brigo, prxima a Caixa Econmica de Urussanga se transformou em sua sede. O arquiteto Alexandre e a engenheira ambiental Camila iro se espelhar na carreira da irm Vanessa, engenheira civil que carrega em seu currculo projetos importantes, como a execuo da reforma da Rodoviria de Cricima e do Parque das Naes. Parabns aos profissionais e sucesso!

Reconhecimento
De Urussanga para Longarone, o nosso cumprimeito ao ex-vice-prefeito de Longarone, Luigino Olivier pelo reconhecimento ao receber das mos do prefeito de Belluno a honraria, Mrito da Repblica Italiana. (Na foto: Claudio Olivier (filho de Luigino), prefeito Roberto Padrin, Luigino e o prefeito de Belluno).