Baffone

Fantasma
Dizem por a que a prefeitura tinha um funcionrio fantasma. Por oito anos ele estava recebendo sem trabalhar. Quem ser essa alma penada? Se for quem eu estou pensando bom no cutucar.

Vergonha
Depois que a casa cai, com certeza algum acorda, no assim? Todos sabem do carro que caiu na ponte de Rio Caet no final de semana. E todos sabem que entra ano e sai ano, a Administrao Municipal e vereadores pedem para que o Deinfra construa no local uma ponte de concreto, j que o seu estado atual precrio e traz riscos aos usurios, como j comprovado. Inclusive, na ltima vez em que Paulo Meller, presidente do Deinfra, esteve em Urussanga, disse que iria resolver o problema em alguns dias. E olha que faz tempo. Agora todos se mobilizam para mais uma vez pedir e clamar pela obra. O vereador Nariz, por exemplo, foi claro ao dizer que h dois anos foi mandado um projeto para a construo da nova ponte e nem uma resposta foi dada at agora. O Deinfra est deixando a desejar, enfatizou.

O que disse
Ontem, Paulo Meller falou nos microfones da Rdio Marconi sobre o assunto. Ele prometeu ateno, mas at agora nada de ponte, nada de lombada eletrnica na Gensio Mazon, nada de pavimentao da estrada que liga Urussanga a Siderpolis. J que o presidente vai dar a tal ateno, por gentileza, ser que ele tambm poderia consertar a proteo da ponte sobre o Rio Caet (foto), na SC-108 (antiga SC-446), antes que algum tambm perca o controle? Esperamos tambm que as palavras de Paulo Meller no sejam mais um captulo de promessas.

gua
O Dia Mundial da gua ser lembrado com aes importantes em Urussanga. O Samae e a Educao estaro engajados no trabalho de conscientizao que ir contar com faixas nas escolas, pedgio com a entrega de adesivos, exposio de laboratrio mvel e palestra. Nossos cumprimentos ao diretor do Samae, Vnio Comin, que ir plantar mais uma sementinha da conscientizao.

Hora Extra
Os incomodados que se retiram, j dizia o ditado que se encaixa perfeitamente no assunto Hora Extra que vem sendo motivo de indignao pelos frequentadores do local. A msica ao vivo, que no show, diga-se de passagem, e que funcionava at a meia noite, foi proibida no bar por causa de um e outro morador. Isso no mnimo deselegante gente. Agora, se as pessoas falam alto e atormentam, ai sim, pode-se sentar, conversar e pedir cautela do estabelecimento. Agora, desativar o som com msica ambiente, j demais. Sem contar que o Hora Extra um local de encontro que j deu certo, um diferencial na cidade. Depois os pais no reclamem quando seus filhos foram buscar ambientes refinados para uma boa conversa fora do municpio.

Sugesto
Morador de Urussanga d como sugesto ao Prefeito Municipal: Ser que no seria mais vivel, tendo em vista os municpio maiores, desligar os semforos em Urussanga nos finais de semana? intil ficar ali parado um tempo quando no se tem movimento. Feito o registro.

 

Agora ser 20
Os jogadores que utilizam o Ginsio Centenrio para uma pelada toda a semana foram pegos de surpresa com o novo aluguel da quadra. A hora jogada que era de R$ 15,00 passou para R$ 30,00. Um aumento de 100%. O reajuste provocou comentrios mil pela cidade e a vereadora Izolete tambm mostrou indignao durante a sesso. Contudo, Tita foi rpido no gatilho e trouxe boas notcias. Falei com o prefeito e o valor ser de R$ 20,00, disse. Se assim, as equipes que tinham pensado em desistir de esquentar as canelas neste local, podem voltar a se programar. Agora o valor justo.

Plano Diretor
O vereador Omero sugere, por meio de indicao, ao Poder Executivo a reviso da lei complementar n08/2008 que diz respeito ao Plano Diretor. Para ele, necessrio que se faa a elaborao do Plano Diretor nas reas dos bairros So Pedro e Morro da Lagoa, anexadas ao municpio de Urussanga e no includas no Plano Diretor Participativo. Para isso, preciso que seja alterado o artigo 315 e seus incisos, permitindo a reviso do Plano Diretor a cada cinco anos ao invs de dez, bem como a rediscusso e avaliao dos anexos que tratam da grade de construo em determinadas reas e bairros. Sugesto vlida e aprovada vereador.

Cmara
Tem vereador tirando o presidente do srio com sua forma cmica de apresentar os assuntos e acaba arrancando risadas do pblico durante as sesses. A orientao para que ele pare de palhaada e mude de postura. Na minha singela opinio, mais de um vereador deveria mudar.

Delegada
A delegada de Urussanga roubou a cena durante a troca de comando. Sem dvida, uma das mais bonitas delegadas de SC. Salve Jorge!
Visita
O Jornal Vanguarda recebeu a visita do artista Gilmar Francisco que interpreta o personagem Nani, um colono de Bento. Ele est divulgando seu trabalho em Urussanga e regio. Em 2008, Gilmar criou seu personagem e no ano passado comeou a divulgar e trabalhar com humor, alegrando a todos que assistem a seu show com muitas piadas e msicas italianas. Quem quiser adquirir seu CD com piadas ou contratar o humorista pode entrar em contato atravs do telefone (54) 9156-0391.

Jardinagem
O reconhecimento desta semana vai para a profissional gabaritada Zeneide, da Joaza Floricultura, que mostrou ao vivo e a cores os efeitos e a importncia de uma jardinagem bem feita. Fao referncia ao trabalho realizado na praa Anita Garibaldi que agora respira outros ares. Num conjunto de aes, com certeza a jardinagem fez toda a diferena. A toda a equipe da Joaza, que agora conta com uma florista, nosso reconhecimento e que essa cidade possa ficar ainda mais bonita com a ajuda dessas mos.

Condutor perde o controle e carro cai de ponte

Na noite do ltimo sbado, dia 16, um veculo caiu de uma ponte na estrada que liga Urussanga a Siderpolis. O acidente ocorreu por volta das 19h20min na comunidade de Rio Caet. O carro ficou submerso no rio. Uma famlia com quatro pessoas, sendo trs adultos e uma criana, estava no carro VW/Gol, placa MJD 9008 de Joinville, e todos ficaram feridos.
A famlia voltava de Siderpolis quando aconteceu o acidente. O motorista do automvel, de 32 anos, informou polcia que no conhecia o local. Ele relatou que perdeu o controle do veculo aps freiar quando passava pela ponte, a qual fica em uma curva. Por isso o carro caiu capotado dentro do rio, o qual raso, mas que est bastante cheio por causa da chuva que caiu nos ltimos dias. Antes mesmo da chegada da Policia Militar, pessoas da comunidade retiraram os quatro ocupantes enquanto o Corpo de Bombeiros foi chamado, mas como estava em atendimento em outra ocorrncia, a Policia Militar foi acionada e chegando no local se deparou com os quatro ocupantes j resgatados. Diante da situao, uma viatura saiu em emergncia em direo ao Hospital Nossa Senhora Da Conceio transportando a criana de pouco mais de um ano de vida. Foram retirados 250ml de gua do pulmo da mesma. Na outra viatura foram levados os pais e a av da criana.
A quarta pessoa que estava no veculo, a av materna da criana, com 59 anos, sofreu um corte profundo na cabea e os pais da criana sofreram ferimentos leves, mas todos passam bem.

Urussanga recebe Audax Terra

O nico evento Audax Terra no Brasil ser realizado pela segunda vez em Urussanga. Em 2011, 80 ciclistas de cinco estados brasileiros participaram da primeira edio do evento. Neste ano, a prova, promovido pelo Urussanga Velo Club, acontecer no dia 19 e maio com largada s 5 horas da manh, da Estao do Caf, no bairro da Estao e chegada no Posto Possamai. Os atletas percorrero um caminho de 200 quilmetros pr-determinado pela organizao do evento passando pelas cidades de So Ludgero, Orleans, Lauro Mller, Pedras Grandes, Tubaro e Urussanga. O tempo limite para realizar a prova de 13 horas e meia.
Segundo um dos organizadores do evento, Maico Birolo, que pratica o esporte h 14 anos, esta uma prova considerada difcil pelos participantes. Este evento nico no Brasil porque geralmente eles realizam Audax no asfalto. uma prova amadora, mas os ciclistas comentam que ela mais difcil que Audax 400, por exemplo. Os atletas percorrero trs mil metros de altitude, ou seja, equivale a subir trs vezes a Serra do Rio do Rastro, explica.
Em Urussanga, os ciclistas passaro pelas comunidades de Rio Amrica Baixo, Rio Amrica, Santana, Rio Molha, Palmeira Alta, Morro da Palha, Linha Pacheco, Pindotiba, Armazm, So Valentim e Linha Rio Maior.
Nesta prova, no existe premiao e nem colocao. A meta do participante cumprir a prova em at 13 horas e meia. As inscries esto abertas para 100 participantes e podem ser efetuadas apelo site www.audaxdocarvao.blogspot.com.br.

Ciclista urussanguense primeiro lugar na categoria sub-30

A avenida Beira Mar Norte, em Florianpolis, recebeu no sbado, dia 17, ciclistas para o percurso da tradicional prova da Subida do Morro da Cruz. Ciro Damiani foi o primeiro a cruzar a linha de chegada entre os sub-30 e subiu mais uma vez no ponto mais alto do pdio. Evento tradicional na histria do ciclismo catarinense, a Subida do Morro da Cruz conta pontos para o ranking nacional.

Urussanga sedia etapa da COPA MTC Enduro Fim

Pilotos da regio sul se preparam para participar da primeira etapa da Copa MTC Enduro Fim neste domingo, dia 24, em Urussanga. A prova de velocidade na terra, organizada pelos Trilheiros da Benedetta e Trilheiros do Tchai, consiste em quatro voltas, sendo uma de reconhecimento do percurso, totalizando cinco quilmetros. A largada ocorrer s 9 horas no Posto Urussanga.
Os pilotos no podero utilizar equipamentos de navegao e devero percorrer a trilha demarcada. Os pilotos mais rpidos em cada uma das sete categorias sero os vencedores da etapa e recebero trofus que reverenciam o portal da cidade. Segundo o diretor de prova Janio Meneghel, a apurao ser realizada atravs do equiaomento GPS. Cada moto ter um GPS e ser rastreada. Desta forma vamos realizar a apurao, explica.
A organizao do evento estima que cerca de 120 pilotos participaro da prova. As inscries podem ser efetuadas no local da prova, at s 08h30min, ou no site www.mtccri.com.br . O valor da inscrio de 70 reais.

 

Em jogo emocionante, Ambra/Urussanga empata e se classifica para a segunda fase da Copa Sul

Foram realizadas no ltimo final de semana, quatro partidas que encerraram a primeira fase da Copa Sul dos Campees, Taa Vales da Uva Goethe. A rodada foi aberta no sbado em Laguna, com um empate em trs a trs entre Ambra/Urussanga e Beira Mar. Com o resultado, a equipe urussanguense conquistou a segunda vaga da chave C para a prxima fase da competio. A outra equipe classificada do grupo o Grmio Turvense, que j havia conquistado a vaga no ltimo final de semana. J o Beira Mar deu adeus ao certame.
No jogo de sbado, o Ambra/Urussanga abriu o marcador com Datcho aos 42 minutos do primeiro tempo. Na segunda etapa, os urussanguenses ampliaram o escore com Rodrigo Hoffmann aos 33 minutos. Aos 35 minutos, quando todos j davam certos da vitria do Ambra, os lagunenses reagiram. Maicon Laguna fez o primeiro dos donos da casa. Marcelo empatou aos 41 e, aos 42 minutos, Maicon Laguna virou o jogo, fazendo o terceiro gol. Com o resultado favorvel de trs a dois, o Beira Mar estava garantindo a classificao, mas aos 44, Grachinha empatou a partida, fechando o placar em trs a trs.
No domingo, no distrito de Caravggio, em Nova Veneza, pela chave A, o Rui Barbosa venceu ao Me Luzia por dois a zero. Edi e Dudu fizeram os gols do time de Morro da Fumaa. Em Cricima, no bairro So Defende, pela chave B, o Internacional venceu o Colgio Brasil por cinco a um, com dois gols de Edson Bugro, dois de Leonardo e Esquerdinha. Tiaguinho fez o gol de honra do Colgio Brasil. E, em Cocal do Sul, em partida vlida pela chave D, o Caravggio venceu o time da casa por quatro a um. Diego duas vezes, Kanu e Ananias marcaram para o Caravggio e Jair Bala, fez o nico gol do Cocal do Sul.
Com os resultados deste final de semana, ficaram definidos os confrontos das quartas de finais da competio. A partir desta fase at a final, as equipes se enfrentaro em jogos eliminatrios de ida e volta.
Para o Presidente da LUD, Geraldo de Souza a Liga esta feliz pela campanha da Ambra. A equipe ir enfrentar um time forte na segunda fase e agora, mais do que nunca, precisamos da fora dos torcedores neste domingo no campo de Rio Amrica para que ajude o time a sair vitorioso. Estamos satisfeitos tambm porque o campeonato esta tranquilo e bem organizado, destaca.

Prxima fase
As partidas de ida da prxima fase sero realizadas j no prximo domingo, dia 24, s 15h30min. Pela chave E, jogaro Trevotur e gua Verde, em Laguna. Na chave F, em Morro da Fumaa, duelaro Rui Barbosa e Internacional. Pela chave G, Palmeiras e Grmio Turvense se enfrentaro em Tubaro. E, pela chave H, o confronto ser entre Ambra/Urussanga e Caravggio, em Urussanga. Os jogos de volta sero realizados no domingo seguinte, dia 31, s 15 horas, com os mandos de campo invertidos. O vencedor da chave E enfretar na semi-final o vencedor da chave H e o ganhador da chave F pegar o ganhador da chave G.

No Dia Mundial da gua

A populao mundial tem conhecimento que dois teros do Planeta formado pela gua e que apenas 0,008% desta gua potvel, mas esquece destes nmeros quando consome e desperdia excessivamente este lquido. Em 1992, a Organizao das Naes Unidas criou o Dia Mundial da gua no dia 22 de maro com o intuito de alertar a populao sobre os problemas relacionados gua. A ONU declarou o ano de 2013 como o Ano Internacional da Cooperao pela gua com o objetivo de aumentar a conscientizao sobre os desafios da gesto, acesso, distribuio e servios relacionados a este recurso cada vez mais escasso no planeta. A ideia tambm chamar a ateno da sociedade civil, empresas e governos para as questes relacionadas gua e saneamento bsico, combatendo problemas como a falta de acesso gua potvel para cerca de 11% e de redes de esgoto para 37% das pessoas no mundo, e a morte de cerca de cinco mil crianas diariamente por doenas causadas pela falta de acesso gua de qualidade.
Em Urussanga, o Servio Autnomo Municipal de gua e Esgoto fornece diariamente para o municpio 2.400.000 litros de gua chegando a 74.400.000 de litros por ms. Cada urussanguense consome em mdia 180 litros de gua por dia. Para atender esta demanda, o SAMAE possui nove sistemas de abastecimento que tratam e distribuem gua de qualidade as comunidades de Santana, Rio Caf em So Pedro, Rio Salto, Rio Maior, Rio Carvo, Belvedere, Loteamento Scussel na Palmeira do Meio, Santa Luzia e Centro.

ESGOTAMENTO
SANITRIO
A situao do Brasil no nada confortvel quando o assunto coleta e tratamento de esgotamento sanitrio. Segundo a Pesquisa Nacional de Saneamento Bsico realizada em 2008, somente 55,2% dos municpios mantm coleta de esgoto pela rede geral e um tero fazem o tratamento. Especialistas da ONG Trata Brasil e do IPEA citam que o desafio est prioritariamente na gesto do sistema e na conscientizao da populao sobre seus direitos. O Dia Mundial da gua serve mais de alerta do que para comemorao no Brasil, quando se refere ao esgotamento sanitrio, apesar de melhoria relativa apresentada em vrios municpios brasileiros nos ltimos anos.
Em Urussanga, a situao no das melhores no que diz respeito ao saneamento bsico. Cerca de 75% da rea urbana da cidade no tem esgotamento sanitrio. O diretor do SAMAE, Vanio Comin, pretende modificar esta realidade. J lanamos o projeto para fazer o saneamento bsico em toda rea urbana. Nossa meta chegar a pelo menos 90% e reformar a Estao de Tratamento de gua, comenta. A prioridade do rgo realizar a ampliao da rede de saneamento para atender a necessidade do municpio aplicando o projeto com um investimento de quase 7 milhes. Apesar da maior parte urbana no ter saneamento bsico, no h casos de doenas relacionadas gua na cidade. Quando todo permetro urbano estiver com saneamento bsico, no haver nenhuma hiptese de doenas pela contaminao do esgoto, ressalta Comin. Atualmente, atravs da rede coletora de esgoto, o SAMAE capta e trata apenas 25% dos efluentes domsticos da rea urbana, contemplando apenas 907 domiclios equivalente a 3.219 habitantes.

Prefeito toma posse como presidente da Junta Militar

Na manh de sexta-feira (15), o prefeito de Urussanga, Johnny Felippe, tomou posse como presidente da Junta Militar em seu gabinete no pao Municipal Lydio De Brida. Estavam presentes o Capito do Exrcito da 19 Delegacia de Servio Militar, Paulo Csar Schmitt, que serviu por seis anos no servio de Segurana do presidente Luiz Incio Lula da Silva em Braslia, e a secretria da Junta Militar, Carmen Maria Soratto. Na oficializao do ato, o prefeito fez o juramento de compromisso para com o servio militar. Desde o primeiro dia de governo, todo prefeito j se torna presidente da Junta. Hoje estamos oficializando o cargo junto ao servio militar, declarou o Capito Schmitt.

Prefeito de Treviso continua na presidncia do Cirsures

No dia 15 de maro foi realizada em Urussanga a primeira reunio ordinria do Conselho do Cirsures (Consrcio Intermunicipal de Resduos Slidos Urbana Regio Sul) do ano de 2013. O encontro contou com presena dos Prefeitos de Cocal do Sul, Urussanga, Treviso, Morro da Fumaa, Lauro Mller e a representante da Fundao do Meio Ambiente de Orleans, Tatiane Fernandes. Durante a reunio foi aprovado o balano financeiro dos exerccios anteriores que corresponde ao ano de 2012. Em seguida, a eleio e posse do novo Presidente. POr unanimidade, o Prefeito de Treviso, Joo Rus Rossi foi o escolhido para ser o novo Presidente do Consrcio e o prefeito de Lauro Mller, Fabrcio Kusmin Alves o Vice-presidente. O Conselho Fiscal formado pelos Prefeitos de Urussanga, Johnny Felippe, Cocal do Sul Ademir Magagnin e Morro da Fumaa Agnaldo Maccari.
Durante o encontro tambm foi realizado o Plano de Aes conforme o Plano Intermunicipal de Gerenciamento Integrado de Resduos Slidos (PIGIRS), lei 12.305, da Poltica Nacional do Lixo, inserindo o Cirsures dentro do plano que deve ser colocado em prtica at Agosto deste ano.
Os participantes fizeram ainda uma alterao no Estatuto, conforme solicitao do Tribunal de Contas, onde o mesmo orienta a modificao desde 2012.

Cem anos de histria, O segredo da longevidade , simplesmente, viver, diz Joo

H muitos anos, um homem perguntou se eu fumava. Eu disse que no. Se eu bebia, tambm falei que no. Questionou se eu trabalhava bastante. Da eu respondi que sim. Ento ele disse: Seu Joo, ters vida longa. Dito e feito! No que ele acertou?. Joo Trento, nascido na comunidade de Rio Carvo, em Urussanga, est prestes a completar 100 anos de idade. No prximo dia 22, famlia, amigos e conhecidos comemoraro ao lado do senhor o seu centenrio, perodo no qual viu, viveu e aprendeu muitas coisas. Eu jamais imaginei chegar a esta idade. Daqui pra frente a minha vida est nas mos de Deus. S ele sabe o que vai acontecer, enaltece.
Joo filho de imigrantes italianos, vindos da regio de Treviso. O pai chegou ao Brasil com 16 anos, e a me, com sete. Meu pai seguiu viagem sem um centavo no bolso. Quando chegou ao Rio de Janeiro, o comandante teve que baixar ncora, porque uma doena estava infestando a cidade. Quando eu era pequeno, adorava ouvir essa histria, e a de que embaixo do navio tinha at boi vivo para cortar e pegar carne, relata o senhor.
O incio da vida na nova terra foi muito difcil, mas com trabalho e dedicao a famlia conseguiu alcanar o seu lugar ao sol. Eram 12 filhos, e Joo o nico que permanece vivo. Da infncia, doces recordaes de um tempo em que a principal diverso era brincar com uma funda e com algumas pedras muito bem selecionadas. Aquela poca que era boa. Eu lembro que no gostava de ir para a escola, mas a minha me queria que eu fosse um agrimensor, como o pai dela era. E pra isso tinha que estudar. O meu pai, pelo contrrio, nem se importava. Ele no sabia nem escrever o nome no papel, imagina se ia me incentivar a ir para a escola, conta, emocionado. Eu no gostava de estudar, mas depois que aprendi a escrever, adorei. Fazia cartas pra todo mundo, tios, vizinhos, amigos, emenda.

As melhores lembranas so do convvio em famlia

Aos 20 anos, Joo casou-se com Otlia Maccari Trento, moa que conhecia desde a infncia, de quando estudavam na escola da comunidade de Santaninha. O namoro era muito diferente. No podamos ficar juntos, pelo contrrio, devamos permanecer bem longinhos. A festa no foi grande, s fizemos um almoo pra famlia, relata. Da unio, nasceram seis filhos, sendo quatro homens e duas mulheres. Eles se criaram na roa comigo. O mais novo, quando tinha 18 anos, foi servir o Exrcito em Tubaro. Quando faltava uma semana para dar baixa e voltar pra casa foi tomar banho de rio e nunca mais voltou. Ele morreu afogado, no conseguiu sair de l. Meu filho era lindo, se chamava Bruno, adorava danar, diz seu Joo, com a voz embargada.
Do trabalho na lavoura, o sustento do lar. Joo nunca deixou a terra. Ver o sol, o cu, capinar, colher e plantar eram as atividades que o senhor mais gostava. Uma vez tentei ir para a mina porque l pagavam mais. Mas entrei s um pouquinho e voltei. Era muito baixinho, tinha medo de cair e eu estar l embaixo, revela. O auge da minerao, no entanto, deixou ms recordaes famlia Trento. Eu constru uma casa boa, ela havia sido recm-reformada. E a veio a Marion, aquela mquina que extraa carvo, e derrubou tudo. Quando eu vi, o meu terreno estava todo revirado, com buracos enormes, e tive que encontrar outro para reconstruir a vida. O meu capital era de 200 mil, e s me pagaram 45 mil. As parreiras estavam lindas, a criao tambm. Perdi tudo. Tivermos que comear do zero, relembra, emocionado.
Mas isso no fez seu Joo desanimar. Seguiu em frente, e com os passar dos anos se viu obrigado a superar a morte de metade dos filhos, dos genros e da esposa. Eu j trabalhei tanto na minha vida que nunca imaginei chegar aos 100 anos. Sofri, me cansei, e no sei porque ainda estou aqui. Sempre bebi meu vinhozinho, mas hoje no posso mais porque tomo remdios de quatro especialistas de Tubaro para c, ressalta. No alto dos 100 anos, seu Joo est mais do que apto a dar conselhos para uma vida saudvel e feliz. Foi um centenrio muito bem vivido. Se eu pudesse aconselhar os jovens, diria para eles andarem sempre direitinho, nunca fazer mal para algum. Tm que dormir cedo e acordar cedo. No beber, no fumar e comer s coisas saudveis. E a, quando chegarem minha idade, vo descobrir que o segredo para completar 100 anos , simplesmente, viver, complementa.

Vida de Joo retratada em livro

O centenrio de vida de Joo Trento inspirou o jornalista Csar Pereira a escrever sobre a trajetria, histrias e fatos que marcaram os 100 anos do urussanguense. O livro Joo Tento, centro anni di storia ser lanado no dia 23 de maro, durante as comemoraes do aniversrio. Em 100 pginas, o jornalista conta alguns momentos que ficaram eternizados nas lembranas de Trento. So narrativas muito interessantes, que contam sobre o trabalho na atafona da famlia, o mtodo de fazer vinho, a chegada dos pais ao Brasil, vindos da Itlia, relata o autor.
Para Pereira, a experincia de ter escrito o livro foi bastante gratificante, porque Joo uma pessoa de bom corao. Ele inspira confiana e ensina muito, j que conhece e lembra muitas histrias. Alm disso, um homem forte, superou a morte de filhos jovens, de genros, da esposa. Precisou de muita f e fora para aguentar tudo isso e chegar aos 100 anos dessa forma, relata o jornalista. O livro ser distribudo aos convidados da festa do centenrio, no dia 23 de maro.

Inscries para concurso fotogrfico da festa Ritorno Alle Origini iniciam na prxima semana

Com o intuito de enaltecer elementos da cultura italiana, a Comisso Central Organizadora da XIII Ritorno Alle Origini promove a 5 Giornata Fotogrfica em parceria com o Foto Clube de Urussanga. Fotgrafos amadores e profissionais podero participar do concurso em quatro categorias. O tema Belezas dos Vales da Uva Goethe compreende fotografias tiradas nas cidades inseridas nesta regio. Nas categorias Atividades rurais, Religiosidade e Nostra gente, as imagens devem ser registradas no municpio de Urussanga.
As inscries iniciam na prxima segunda-feira, dia 25, e permanecem at o dia 5 de abril. As fichas de inscrio e o regulamento do concurso estaro disposio dos participantes nas lojas Foto Prado e JR Express, em Urussanga. As imagens devero ser entregues reveladas no tamanho 20×30 e em CD at o dia 2 de maio na Central de Informaes Turstica, prxima ao Parque Municipal. As fotografias sero expostas e julgadas no dia 11 de maio na Praa Anita Garibaldi. A primeira colocao de cada categoria receber um trofu. Os demais participantes ganharo um certificado de participao. A premiao ocorrer na Praa DItalia, no Parque Municipal, no dia 23 de maio, durante a primeira noite do evento.

Campeonato de skate, concurso fotogrfico e baile tpico integram a programao da XIII Ritorno Alle Origini

Alm das Olimpadas Coloniais, Festival de Msica Italiana, apresentaes culturais e uma diversidade gastronmica, a Comisso Central Organizadora da XIII Festa Ritorno Alle Origini completa a programao do evento com mais atrativos. Na noite de quinta-feira, dia 14, o presidente da festa, Adroaldo Luiz Apolinrio, e o vice, Valdecir Miotello, reuniram os integrantes das comisses para definir as atraes inseridas entre os dias 23 e 26 de maio.
O organizador do campeonato Skate Park, Sandro Zanatta, confirmou a participao no evento nas tardes de sbado e domingo, dias 25 e 26, e da competio reconhecida pelos profissionais deste esporte em nvel nacional. Na ltima edio, mais de 70 atletas do pas estiveram na cidade. Esta competio j tradio e aguardada por todos. Eles adoram, fazem propaganda e retornam todos os anos, comentou Zanatta. Neste ano, os organizadores pretendem inovar transmitindo o campeonato ao vivo pela internet.
Um concurso fotogrfico tambm estar na programao da XIII Festa Ritorno Alle Origini. O membro da comisso, Luiz Antonio Neves Marques, apresentou os temas que sero abordados, o perodo das inscries e as premiaes. Os participantes podem concorrer em quatro categorias. As inscries iniciam no final deste ms. Alm de receber um trofu e um certificado, as fotografias vencedoras se tornaro cartes-postais de Urussanga e a que conquistar a maior pontuao poder receber um prmio especial, explicou.
O presidente do evento, Adroaldo Apolinrio, ressaltou a importncia de valorizar a cultura italiana e a realizao de um baile tpico na programao. Estamos elaborando um baile tpico para o domingo, aps o almoo, com a participao da Orquestra Municipal que ir apresentar msicas italianas em forma de marchinhas. As pessoas podem preparar seus trajes tpicos e entrar no clima da festa para cantar e danar neste baile, frisou Apolinrio.

Pesquisadores americanos conhecem principais afloramentos fossilferos de Rio Carvo e Santana

Dada a importncia de alguns stios fossilferos e sequencias geolgicas localizados em afloramentos rochosos nas localidades de Rio Carvo e Santana, uma equipe formada por brasileiros e estrangeiros gelogos, paleontlogos, geofsicos, entre outros especialistas da rea das Geocincias, est se formando para desenvolver um trabalho mais aprofundado de perfil estratigrfico, contedo fosslifero e datao absoluta atravs da radiometria de istopos. O assunto j foi anteriormente selecionado para o trabalho de levantamento e classificao de geosstios na regio carbonfera do Sul de Santa Catarina e apresentado no Congresso Brasileiro de Paleontologia em 2011. Por esta razo, estabeleceu-se a necessidade de estud-los mais detalhadamente devido a diversidade e qualidade de seu contedo.
Uma equipe formada por trs pesquisadores americanos da Universidade da Califrnia (UCLA) convite de pesquisadores brasileiros da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) esto visitando os principais stios do Rio Grande do Sul e Santa Catarina e estiveram no interior de Urussanga na ltima segunda feira, 18, para avaliar os trs stios de grande importncia (dois em Rio Carvo e um em Santana), cuidadosamente selecionados em 2011 (Afloramento Rio Carvo, Mina Veloso e Itanema I,II e III em Santana).
Aps uma reunio na casa do paleontlogo amador Cristian Neilor Ceron em Rio Carvo, a equipe se dirigiu aos afloramentos. Os pesquisadores/professores americanos da Universidade da Califrnia que tambm trabalham com este perodo de tempo geolgico (carbonfero e permiano) que inclui os stios permianos daqui ficaram impressionados com a riqueza dos stios urussanguenses tanto no mbito geolgico como paleontolgico. Demonstraram grande interesse em fazer estudos mais detalhados em conjunto com pesquisadores brasileiros fornecendo intercmbio de conhecimento, tcnico e de pessoal entre as duas universidades. Como esta foi apenas uma visita de conhecimento est sendo organizada uma nova vinda deles neste ano para iniciar os trabalhos de campo e laboratrio aqui no Brasil, relatou Cristian Ceron.
O contedo destes lugares j est sendo parcialmente estudado por especialistas da rea e um lugar em especial (Itanema II) devido a sua grande diversidade e qualidade de preservao dos fsseis (principalmente de plantas) depois dos estudos mais aprofundados que iro ser feitos pode vir a se tornar o melhor representante da antiga Flora Permiana (formadora do carvo minerado aqui) do Gondwana brasileiro. Estou muito feliz ao ver que toda a dedicao ao longo de tantos anos vem sendo reconhecida e suas importantes descobertas e pesquisas amadoras colocaram Urussanga no mapa da Paleobotnica Brasileira em 2008, no mapa da Paleontologia brasileira no CBP em 2011 e agora vm contribuindo para projetar o passado geolgico da Benedetta para fora do pas, finaliza Cristian.

Relao de amor que ensina tanto quanto aprende

A passagem da inocncia de criana para a adolescncia notria quando se observa os detalhes do quarto de Natlia Bortolotto, de 14 anos. Bichos de pelcia nas prateleiras, adesivos colados nas paredes, CDs e DVDs nas gavetas, os detalhes decorativos repletos de cores e palavras usadas com freqncia pelos jovens refletem a realidade desta passagem. Passagem… Uma das palavras mais utilizadas na vida de Natlia, seja pelo ato, efeito ou direito de passar, seja pelo prazer de viajar. Todos os dias, a jovem passa por desafios e ultrapassa obstculos.
Natlia portadora da Sndrome de Down, um distrbio gentico causado pela presena de um cromossomo 21 extra total ou parcialmente. Desde o primeiro ms de vida, o desenvolvimento de Natlia acompanhado por especialistas de diversas reas da sade. Nos primeiros anos, a Associao de Pais e Amigos dos Excepcionais de Urussanga foi o local escolhido pelos pais de Natlia para realizar os tratamentos de fisioterapia e fonoaudiologia.
Aps algumas conversas com a diretora de uma creche particular, os pais de Natlia decidiram matricular a pequena na mesma instituio de ensino na qual a irm mais velha estudava. Com um ano e meio, a jovem ingressou na creche e iniciou um convvio diferente do ambiente familiar. Anos depois, percebendo a adaptao e o desenvolvimento da menina, a me decidiu trazer a filha para a escola onde trabalhava como professora, no colgio Lydio De Brida, na rede municipal de ensino, onde a filha estuda atualmente na 7 srie. Desde o incio, Natlia est inserida no programa de incluso do municpio e acompanha por uma professora da educao inclusiva, psicloga e fonoaudiloga, fatores que auxiliam no desenvolvimento da jovem.

ROTINA E GOSTOS
Os dias de Natlia so divididos entre os estudos, acompanhamentos mdicos e momentos de lazer. De segunda a sexta-feira, a jovem acorda cedo para integrar a turma da 7 srie do colgio Lydio De Brida. Ela faz questo de falar a profisso da me e mostra com animao as anotaes feitas por ela nos cadernos das disciplinas. Minha me a diretora da minha escola, comenta orgulhosa. Letras arredondadas escritas com canetas coloridas e brilhosas revelam um pouco dos gostos de Natlia. Os tons pretos, rosas e azuis esto presentes nos cadernos de estudo, nos objetos decorativos do quarto e nos bichos de pelcia. As cores tambm esto no lado vaidoso da jovem. As unhas pintadas, uma de cada cor, so o resultado do apreo que ela tem por uma maleta repleta de esmaltes.
A vida de Natlia tambm regida por uma trilha visual e musical. Assistir a filmes no cinema um dos programas preferidos da jovem. Ela geralmente assiste filmes de animao. Descobre quando esto em cartaz no cinema e convida os amigos para passear, relata a me. Soraia Bortolotto. Para Natlia, a parte gastronmica no cinema faz parte do programa de lazer. Eu adoro ver os filmes comendo pipoca com chocolate e guaran, frisa entre risos. O gosto musical de Natlia foi influenciado pelas atitudes da irm mais velha, Marina. Entre CDs da Xuxa e Rebeldes, Natlia aprecia as msicas de Michel Tel, Beyonc e Katy Perry. Alm de danar, cantar e ouvir as canes atravs do aparelho de som do quarto com fones de ouvido, Natalia adora escutar as msicas durante o banho.
Nas tardes livres, trs vezes por semana, Natlia pratica natao, alm de gostar de jogar vlei nas aulas de educao fsica disponibilizadas pela escola. As viagens que a famlia realiza um dos programas de lazer preferidos de Natlia.

FAMLIA
A me de Natlia, Soraia Bortolotto, demonstra em cada gesto o amor que sente pela filha, enfrentando uma luta diria ao lado dela. Soraia confessa que foram difceis os momentos vividos nos primeiros meses. No incio foi muito complicado. Reagimos com surpresa e nervosismo aps o parto. Aquele era um mundo que no conhecamos. Depois comecei a questionar que antes pensava o que minha filha seria e agora estava me perguntando como a minha filha faria, conta.
Aos poucos, a famlia aceitou a situao e comeou a se preocupar com a sade de Natlia. Segundo Soraia, o desenvolvimento da jovem ocorreu em funo da unio da famlia e do acompanhamento mdico. A criana consegue se desenvolver rodeada de amor e buscando profissionais da rea da sade que possam ajudar ela a evoluir, explica.
Atravs de situaes vividas nos ltimos dias, Natlia demonstra o amor, a unio e o respeito que existe na famlia. Ontem o pai leu e me contou a histria de um livro. Eu e a Marina parecemos gmeas, conta Natlia entre risos e abraos com a me. Para Soraia, Natlia ensina tanto quanto aprende. Todos os dias ela aprende conosco, mas tambm nos ensina a ser mais generosos, humildes e principalmente humanos, finaliza.

Urussanga articula projeto com Tintas Coral

Na manh da ltima sexta-feira (15), o representante das Tintas Coral, Andr Luiz Dal Forno, reuniu-se com o prefeito Johnny Felippe e a diretora de Cultura e Turismo, Daniela Mondardo para tratar de um projeto para restaurao de casas tombadas que a empresa possui em todo o Brasil.
Como Urussanga conhecida pela tradio e cultura italiana e possui diversos casares antigos por toda a cidade, principalmente no centro, existe a inteno por parte do poder pblico municipal de revitalizar o centro. J comeamos as atividades de revitalizao na praa central, mas o nosso objetivo maior tornar a cidade um grande polo turstico na regio e esse projeto contribuiria muito para nosso ideal, informou Johnny.
Dal Forno falou sobre a inscrio de projetos junto empresa e disse que Urussanga possui as caractersticas necessrias para conquistar uma vaga no projeto de pintura e revitalizao de casas histricas. Alm da cor, queremos deixar um legado para a cidade e percebemos que Urussanga tem tudo a ver com o nosso projeto que realizado em todo o territrio nacional, declarou.
Antes de garantir a conquista do projeto de pintura de patrimnio histrico-cultural, Urussanga dever ser inscrita em outra iniciativa da empresa para a pintura de casas comuns. Junto do poder pblico municipal, podemos viabilizar, a curto prazo, o projeto de pintura de casas comuns. praticamente garantido ainda para este ano, basta elaborar o projeto, finalizou Dal Forno.

Feira do Peixe Vivo acontecer na prxima quinta-feira

Uma parceria entre a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Agricultura e Epagri, ir realizar a 1 Feira do Peixe Vivo, em Urussanga. A iniciativa nasceu com o objetivo de incentivar a piscicultura no municpio e contribuir para que o agricultor possa ter mais uma fonte de renda atravs desta cultura, alm de oferecer peixes de qualidade e de fcil acesso populao.
Segundo o secretrio de agricultura, Jucemar Sangaletti a feira ir garantir acima de tudo, qualidade. Os estabelecimentos na Feira Livre Municipal j esto sendo adequados para o dia da Feira do Peixe Vivo, como a fixao das tendas e caixas dgua. Estaremos no dia acompanhando tambm a venda e dando apoio fornecendo um caminho pipa com gua natural para manter a qualidade do produto, afirma. A expectativa para que todo o produto seja vendido. O preo do quilo do peixe ainda ser definido. Os valores sero equiparados ao das cidades vizinhas, assim cada cidado comprar na sua prpria cidade, evitando o deslocamento. Sem contar que estaremos tambm incentivando a comercializao de um produto saudvel, explica.
Cerca de ,2 mil quilos de tilpia e carpa de dois fornecedores do municpio estar disponvel. Dois produtores do municpios foram escolhidos para comercializar pela experincia e conhecimento na rea. Os peixes sero transportados adequadamente em um caminho. O diferencial, alm de um produto fresco e atrativo que cada pessoa poder escolher e pegar o seu peixe, destaca Sangaletti.
A venda ir ser feita diretamente pelo agricultor Fabrcio Eyeng com mais trs ajudantes. A Feira do Peixe Vivo ser realizada na Quinta-feira Santa, 28 de maro, a partir das 8h, nas dependncias da Feira Livre.

Ovos artesanais geram renda e caem no gosto popular

Quem observa o trabalho de Marcia Genovncio Albino como enfermeira no imagina a paixo que ela esconde em casa. Neste perodo do ano, Mrcia e o scio Mairon Albino se concentram na fabricao de ovos de chocolate. Para conciliar as funes e o tempo, Marcia pega frias em um dos lugares onde atua como enfermeira. O interesse pela produo dos ovos surgiu h 20 anos. Eu vi na televiso e fiquei muito interessada. Fui atrs das informaes e, com o tempo, descobri o ponto do chocolate que utilizo, conta Mrcia.
Durante 40 dias e com a ajuda de duas assistentes para dar conta das encomendas, a equipe derrete e molda mil quilos de chocolate para produzir dois mil ovos. Prestgio, sonho de valsa, trufado, ovo maltine, kinder, entre outros tipos so elaborados pela equipe. Ns fazemos um processo com trs camadas de chocolate e mais o recheio, se for a opo desejada. Produzimos ovos de 250 gramas a 3 quilos, explica Mairon.
O procedimento da fabricao consiste em derreter o chocolate e mexer na pedra, moldar nas formas e colocar em local gelado para endurecer. Para cada remessa de 20 ovos, a equipe demora uma hora e meia desde o derretimento do chocolate at a embalagem. Por isso, a produo de mais de 100 ovos por dia requer dedicao. Nas ltimas semanas ns viramos a noite. Chegamos aqui sem hora para ir embora, revela a assistente, Rosilane Leandro.
Segundo Mrcia, a diferena para os ovos caseiros e os ovos industrializados est na qualidade. O sabor diferente porque no trabalhamos com chocolate que tem gordura hidrogenada. Alm da espessura e do recheio, que so outros diferenciais dos nossos ovos, frisa. Mrcia incrementa a renda fixa com a renda extra aliando a paixo pelo chocolate. Conviver com este cheiro, neste ambiente… Eu adoro fazer isso. Sinto-me realizada, ressalta.
VENDAS
A equipe de Mrcia e Mairon vai alm do setor de produo. Ns temos 15 vendedoras que passam pelas casas em Cocal do Sul, Cricima, Orleans e Urussanga. Estamos, inclusive, pensando em ampliar o negcio, comenta Mrcia. Segundo Mairon, as vendas aumentam a cada ano. Neste ano tivemos um aumento de 20% a 30% em relao ao ano passado, conta. Para Mrcia, no h diferena nos valores dos ovos caseiros para os industrializados. Os nossos preos variam de 6 a 100 reais. A diferena est na qualidade e no tamanho do ovo, explica.

Vereadores aprovam requerimento que reivindica extenso de sinal de telefonia mvel no interior

Os vereadores aprovaram, por unanimidade, na tera-feira, dia 19, o requerimento que solicita OI Telecomunicaes a extenso do sinal de telefonia mvel, bem como, a internet nas comunidades de Rio Amrica, Santana, Rio Salto, Rio Carvo, Rio Carvo Alto, Santaninha, Rio Caet, Belvedere, Belvedere Baixo, Coxia Rica, Rio Deserto e So Donato. O requerimento de autoria do vereador do PT, Marcos Roberto Silveira. Ele ressalta que em todas essas localidades o servio precrio. Esse o primeiro passo para que possamos agendar uma audincia com a empresa, pois uma antena ser colocada na Serra. O custo desse servio Prefeitura ser mnimo. Isso uma conquista. Chega de comprar celular e engavetar, destacou.
Outro benefcio ser com o acesso internet de melhor qualidade. Hoje a comunidade paga R$ 55,00 mensal para a internet rural e quando chove impossvel utiliz-la, afetando principalmente os estudantes que dela dependem. Com a antena, a empresa ir possibilitar o sinal por R$ 29,00 e com nvel de qualidade melhor, finaliza o vereador Marcos.

Reajuste Salarial do Magistrio

Foi aprovado por unanimidade na dcima sesso ordinria da Cmara de Vereadores de Urussanga, realizada na noite da tera-feira (19) o projeto de Lei PE n 12/2013, de autoria do Poder Executivo que concede reajuste salarial aos profissionais do magistrio pblico municipal e fixa o novo valor do piso salarial profissional nacional.
Com a aprovao do projeto o executivo fica autorizado a fixar em R$ 1.567,00 (um mil quinhentos e sessenta e sete reais) o valor do salrio do ms para os profissionais do magistrio pblico que tenham jornada de 40 horas semanais. Alm disso, fica autorizado a reajustar os nveis de carreira dos profissionais do magistrio publico municipal, excetuando-se os especialistas em assuntos educacionais, em 7,97%.

PDT de Urussanga comemora ascenso do lder da regio Sul ao Ministrio do Trabalho

O PDT (Partido Democrtico Trabalhista) de Urussanga comemorou com orgulho a indicao do presidente Estadual da sigla, Manoel Dias ao Ministrio do Trabalho e Emprego. Oportunidade merecida e to esperada pelo partido nos ltimos anos. A Presidente Dilma Rousseff anunciou a indicao na ltima sexta-feira e o primeiro representante do Sul a assumir um Ministrio tomou posse no sbado, ao lado de outros Ministros. Manoel Dias substituiu o deputado do Rio de Janeiro, Brizola Neto.
Os integrantes do partido em Urussanga receberam a notcia com satisfao e alegria. Manoel Dias soube esperar durante este tempo. um Ministrio que faz jus a luta dos trabalhistas. Ele representa para ns catarinenses a estrela mxima dentro do PDT, at porque sua histria foi construda junto com Leonel Brizola. Podemos dizer com todas as letras que ele um homem dedicado ao Partido, afirma a presidente do PDT, Iris Cancellier.
Para Urussanga, ter Manoel Dias frente do Ministrio tambm ser sinnimo de grandes oportunidades. Pelo que eu o conheo, com certeza ele ir se dedicar ao Pas, Estado e Urussanga. No Ministrio do Trabalho ter como meta aquilo que nosso Estatuto define: gerao de emprego, capacitao do trabalhador, melhoria salarial, buscando o desenvolvimento do Pas. O partido em Urussanga tem uma afinidade grande com o chefe de Gabinete do Ministrio, o Dr. Rodrigo Minotto. Sabemos que o Minotto trabalhou muito desde 2008 pela qualificao do trabalhador, atravs de vrios cursos aqui em Urussanga, como o de soldagem e costureira, por exemplo. Se o municpio assim focar, traremos boas oportunidades ao povo de Urussanga, finaliza Iris.

Sobre Manoel Dias

A nomeao de Manoel Dias, de 74 anos, para o Ministrio do Trabalho considerado um reconhecimento pelos anos dedicados ao PDT. Atual secretrio-geral da sigla nacional e presidente Estadual do partido, iniciou na vida poltica com 18 anos, no PTB. Natural de Iara, o poltico foi perseguido na ditadura e teve dois mandatos cassados quando foi vereador em Iara em 1964, e depois como deputado estadual, em 1966. Seus direitos polticos foram cassados por 10 anos. Em 1979, aps a anistia foi um dos fundadores do PDT ao lado do sempre amigo Leonel Brizola. No ano passado, o nome de Manoel Dias foi cotado para assumir a mesma pasta. Com a indicao de Manoel Dias, Santa Catarina conta com dois Ministros no Governo Dilma. Ideli Salvatti a Ministra da Secretaria de Relaes Institucionais.

A indicao de Manoel Dias um resgate de toda a histria de luta pelo trabalhismo e educao. uma alegria muito grande para ns, do PDT, Rodrigo Minotto, vice-presidente estadual do PDT.

Meu querido companheiro Manoel Dias, eu o conheo a mais de 30 anos. Por isso sei da capacidade, da qualidade poltica e do efetivo comprometido do Manoel com os destinos da nossa nao, do nosso povo e com o comprometimento com os direitos dos trabalhadores, Presidente Dilma durante a posse.

Manoel Dias soube esperar durante este tempo. um Ministrio que faz jus a luta dos trabalhistas. Ele representa para ns catarinenses a estrela mxima dentro do PDT, at porque sua histria foi construda junto com Leonel Brizola. Podemos dizer com todas as letras que ele um homem dedicado ao Partido, afirma a Presidente do PDT de Urussanga, Iris Cancelier.